Wip lojas

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

http://templatesjoomla.com.br/
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

Mestre Claudinho segue na Alegria da Zona Sul em 2020 Destaque

Publicado em Série B
Domingo, 15 Setembro 2019 00:10
Mestre Claudinho segue na Alegria da Zona Sul em 2020 Foto:Marcelo O'Reilly/Divulgação

Visando o próximo carnaval, a vermelha e branca da zona sul da cidade do Rio de Janeiro começa a dar seus passos para um grande desfile no grupo B do carnaval carioca. Assim, com o desejo de fazer um belo desfile em quaisquer esferas de divisão da folia, tendo o carnaval para todos. Alegria é feita de garra. Alegria é feita de amor. Alegria é feita por pessoas. É sobre esses afetos que o presidente Marcus Vinicius Almeida faz o anuncio de que a prata da casa, Claudinho Tuiuti, continua na escola como mestre de Bateria.

Conhecido por ser uma figura ímpar, de personalidade forte e crescendo no berço de bamba, pois, não é para qualquer um ser filho de ritmista e sobrinho de dois grandes mestres de bateria (in memória) – Gargalhada e Paulinho Gaguinho, nas co-irmãs Imperatriz Leopoldinense e Unidos da Tijuca. Sua trajetória começou ainda criança ao participar de algumas baterias perante toda influência familiar, dando início, ali, para sua aptidão pelos instrumentos musicais que encantam mundo afora e aflorando o desejo em ser um profissional da área.

Tendo em seu histórico, diretor de bateria nas Agremiações Paraíso do Tuiuti (1994 a 2001 e 2007 a 2008), Lins Imperial (2005 a 2006 e 2015), Em Cima da Hora (2013 a 2014) e Unidos de Bangu (2015), sempre se aprimorando, também, começou a exercer a função de comandar por geral uma bateria nos anos de 2003 a 2004 e 2015 no Tuiuti (escola que já dava seus passos) e chegando na Alegria da Zona Sul de 2010 a 2012 e de 2016 até o presente momento, estando renovado para 2020.

Sobretudo, foi na Alegria que o mestre Claudinho se consagrou com constante evolução a cada ano em sua carreira e tendo uma bateria coesa às diretrizes do seu engajamento de ritmo, é o que explica: "Nossa bateria tem como referência o ritmo, buscando sempre um andamento confortável e sustentável para escola no desfile. Sou grato com todos os ritmistas que tem compreensão e comprometimento com o trabalho proposto em conjunto com minha jovem diretoria de bateria. Pela Alegria, só tenho respeito, gratidão, amor, carinho e hoje ela é minha escola do coração. Muito obrigado ao presidente pela confiança dada a mim mais uma vez." Comenta o mestre.

Em 2020, a escola desfilará pelo grupo B, sobe comando da LIVRES, que em breve terá seu sorteio para ordem dos desfiles.

 

 

Entrevistas

Cantor e compositor Rico Medeiros: "Nossa Senhora!"

Cantor e compositor...

Por Luis Leite Nascido em Niterói, Nilzo Medeiros, popularmente conhecido como...

Luiz Carlos Bruno: “Quero voltar a trabalhar para fechar o portão com sabor de dever realizado”

Luiz Carlos Bruno:...

Por Ricardo MaiaFotos: arquivo pessoal A paixão de Luiz Carlos Bruno...

Juarez Carvalho, o Titio das baianas da Tijuca

Juarez Carvalho, o...

Por Ricardo Maia Desde 1999 na Unidos da Tijuca, Juarez Carvalho...

Escolas Mirins

Samba de Raiz

Pagode

Carnaval pelo Brasil

Ex Panicat Tânia Oliveira posa para o Carnaval e fala sobre ansiedade

Ex Panicat Tânia Oliveira posa para o Carnaval e fala sobre ansiedade

Faltando exatos seis dias para o início do desfile do Carnaval Paulistano, na manh&at...

 

icone instagram

Book OBatuque

Extras

fotos

JoomShaper